Humildade a serviço dos necessitados

        Depois de muita espera e milagres atribuídos a Madre Tereza, os fiéis católicos do mundo inteiro comemoram a atitude do Papa Francisco atribuindo um milagre a freira no qual veio culminar na santificação da religiosa apenas duas décadas depois de sua morte.

Segundo especulações da imprensa italiana, ainda não há uma data prevista para a canonização, mas especula-se que possa acontecer na primeira semana de setembro de 2016 para coincidir com o aniversário da religiosa.

Ganhadora de um dos prêmios mais importantes do mundo “O Nobel da Paz”, Madre Tereza sempre preocupou muito com os pobres.  Em 05 de setembro de 1997 época de sua morte, a ordem da religiosa, as Missionárias da Caridade, tinha 4 mil freiras, que comandavam quase 600 orfanatos, abrigos e clínicas pelo mundo.

Jorge Mario Bergoglio, hoje Papa Francisco, conheceu Madre Teresa quando ambos participaram do sínodo do Vaticano em 1994. Naquela ocasião Bergoglio viu na religiosa uma mulher forte e determinada capaz de dar testemunho corajoso e verdadeiro na Assembléia de Bispos, lembrou o porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi. “Eu teria medo de tê-la como minha superiora, já que ela era durona”, lembrou o pontífice.

Madre Tereza nasceu na Macedônia em 1910 e foi batizada com o nome de Agnes Gonxha Bojaxhiu, a religiosa foi beatificada em 2003, em Roma, após o Vaticano dizer que as orações de uma indiana de 30 anos e que morava em Bangladesh, Monika Besra à livraram de um tumor considerado incurável no abdômen.

Já o outro milagre e por obra divina aconteceu no Brasil na cidade de Santos (SP) em dezembro de 2008. Um homem hoje com 43 anos e cuja identidade não foi revelada, estava em fase terminal devido a um câncer no cérebro e prestes a ser operado, para espanto do médico ao chegar à sala de cirurgia, encontrou o paciente acordado e sentado sem nenhuma seqüela.

De acordo com o jornal dos bispos italianos, Avvenire a cura milagrosa foi reconhecida em uma reunião de especialistas convocada pela congregação às causas dos santos.

Por isso jamais devemos desistir , milagres acontecem, basta ter fé e acreditar.

Jornalista: Agnaldo Moreira

Related Articles